Curso de Mangá em BH? Conheça o nosso!

Por: Carol Cunha 29 de março, 2024

Para aspirantes a mangakás, a Casa dos Quadrinhos oferece um curso de mangá em BH. Venha conhecer e se especializar nesse estilo!

Desenhar em estilo mangá é uma jornada que requer dedicação e prática constante. Neste texto, vamos abordar os tópicos do nosso curso de Mangá em BH. E, do mesmo modo, mostrar como ele pode melhorar seu desenho de mangá. Vamos, portanto, desde as formas básicas até técnicas avançadas de sombreamento e dicas práticas para aprimorar sua arte.

Desenhando figuras geométricas

Tudo começa com as formas simples. Círculos, quadrados, triângulos – esses elementos aparentemente comuns são a base de qualquer personagem de mangá.  Portanto, vamos começar praticando essas formas básicas regulares, pois elas formam a estrutura sobre a qual você construirá seus personagens. Dominar a simplicidade é essencial tanto para desenvolver sua visão criativa quanto para aprimorar suas habilidades de desenho.

A prática consistente de desenhar formas básicas não apenas melhora sua habilidade técnica, mas também ajuda a desenvolver sua imaginação. Ao experimentarmos combinar essas formas de diferentes maneiras, criamos personagens e objetos únicos.

Lembre-se de que a prática é fundamental, e não se preocupe se seus primeiros desenhos não parecerem perfeitos – o importante é continuar praticando e aprendendo com seus erros.

Compreendendo Anatomia

Embora os personagens de mangá possam variar amplamente em estilo e proporção, compreender a anatomia básica é fundamental para dar vida às suas criações. Vamos ajudá-lo a se familiar com as proporções e posicionamento das diferentes partes do corpo humano.

Isso, sem dúvidas, não apenas tornará seus personagens mais realistas, mas também permitirá que você transmita emoções e expressões de forma mais eficaz através de sua arte.

Estudar a anatomia real é essencial para criar personagens convincentes. Por isso, vamos dedicar um tempo considerável para ajudá-lo a aprimorar sua compreensão da anatomia.

Luz, sombras, hachuras

O sombreamento é uma técnica crucial para dar profundidade e realismo aos seus desenhos. Ao entender como a luz interage com os objetos, você pode criar efeitos visuais impressionantes. Portanto, sempre é bom observar como os objetos refletem a luz em diferentes ambientes e condições climáticas.

Vamos mostrar o sombreamento não se limita apenas a criar sombras, mas também pode ser usado para indicar o ambiente e a atmosfera da cena.

Existem várias técnicas de sombreamento que você pode experimentar, incluindo hachuras, esfumaçamento e uso de valores tonais. Praticar essas técnicas em objetos simples, como esferas e cubos, antes de aplicá-las aos seus desenhos de personagens é essencial.

Em outras palavras, a prática regular é fundamental para aprimorar suas habilidades de sombreamento e criar desenhos mais dinâmicos e expressivos.

Material de referência

Não tenha medo de usar referências ao desenhar. Acreditamos que estudar o trabalho de outros artistas faz parte do processo. Tanto observar fotografias quanto usar modelos de referência pode ajudá-lo a aprimorar suas habilidades e expandir sua criatividade. Sendo assim, ao se inspirar no mundo ao seu redor, você pode criar personagens mais autênticos em seus desenhos.

Ao usar referências, é importante entender que você não está copiando diretamente, mas sim aprendendo e se inspirando para criar algo novo e único.

Ensinamos você a analisar as referências com cuidado, observando detalhes como proporções, poses e expressões faciais. Lembre-se de que é normal e até mesmo recomendado usar referências ao desenhar, especialmente quando você está começando.

Utilize Guidelines

Embora alguns artistas recusem,  nós acreditamos que as guidelines são muito úteis. Elas ajudam você a desenhar uma pose rapidamente, comparar formas e tamanhos corporais e evitar erros de anatomia. Todo profissional – todo profissional – começa com formas básicas antes de desenhar um personagem.

Diferentes Estilos e Personagens

Todos nós temos certo “tipo” de personagem que gostamos de desenhar e pode ser fácil recorrer a esses desenhos, seja um chibi, uma menina bonita ou um menino bonito. Conforme você pratica seus desenhos de mangá, é importante diversificar e desenhar todos os tipos de pessoas e personagens.  Exatamente por essa razão, um dos tópicos de estudo do nosso curso de mangá em BH é o ensino de diferentes  biótipos e faixas etárias de personagens.

Acreditamos que isso melhorará muito seus desenhos em geral.

Arte Final e criação de página

No curso de mangá, os alunos são introduzidos aos aspectos fundamentais da produção de quadrinhos, incluindo a arte final, elementos de página e criação de páginas. A arte final é abordada com ênfase na precisão e limpeza dos traços, bem como na aplicação de técnicas de sombreamento e detalhamento para aprimorar a estética geral das ilustrações. Os elementos de página, como balões de diálogo, onomatopeias e quadros, são explorados em detalhes, destacando sua importância na narrativa visual e na comunicação eficaz de ideias. Os alunos aprendem a selecionar e posicionar esses elementos de forma estratégica para guiar a leitura do espectador e criar ritmo e fluidez na história. Além disso, o processo de criação de página é enfatizado, desde a concepção inicial da composição até a organização e distribuição dos elementos visuais para criar uma narrativa coesa e envolvente.

Conclusão

Em resumo, aprender a desenhar mangá requer prática constante, paciência e um compromisso em aprender e evoluir. Estamos, portanto, prontos para ajudá-lo nessa jornada com nosso curso de mangá  na Casa dos Quadrinhos em BH.

O caminho para se tornar um mestre do desenho de mangá pode ser desafiador, mas também é gratificante.

Quer saber mais? Entre em contato conosco!