5ª CDQ CON – Saiba o que rolou de bom!

Por: Carol Cunha 8 de março, 2024

A Feira da Casa dos Quadrinhos – CDQ CON já se tornou um evento cultural tradicional em Belo Horizonte. No final de 2022, aconteceu sua quinta edição, trazendo uma experiência única para os fãs de quadrinhos e cultura pop de BH e de Minas

Com uma programação repleta de atividades online e presenciais, a CDQ CON ofereceu aos participantes uma oportunidade excepcional de encontrar com alguns de seus artistas favoritos. E, do mesmo modo, participar de debates significativos sobre o mundo dos quadrinhos. Assim como, explorar o vibrante cenário artístico local.

Homenagem Jefferson Costa

Um dos grandes destaques da 5ª CDQCON foi, sem dúvidas, a homenagem ao renomado quadrinista paulistano, Jefferson Costa. Reconhecido por suas contribuições para Graphic MSP, incluindo, por exemplo, os volumes de Jeremias. Costa é, definitivamente, uma figura central no cenário dos quadrinhos brasileiros e trouxe uma riqueza de experiência e talento para o evento.

Painéis Online

A programação da 5ª CDQ CON foi igualmente diversificada e abrangente, cobrindo uma ampla gama de tópicos relevantes para os fãs e profissionais de quadrinhos. No primeiro dia do evento, os participantes desfrutaram de painéis online que exploraram questões fundamentais. Foram entrevistas com artistas renomados. Participaram Acir Piragibe (D’Artagnan Negro), Vitor Cafaggi (Valente, MSP Turma da Mônica e Franjinha), Ana Cardodo (MSP Mingau), Carol Rossetti (MSP Magali) e João Belo (A menor distância entre dois pontos é uma fuga).

Do mesmo modo, tivemos uma mesa redonda sobre formação em quadrinhos. Apresentamos algumas das melhores escolas do ramo no Brasil, como, por exemplo, a Casa dos Quadrinhos, o Rascunho Studios, Dinámo e Estúdio Daniel Brandão.

Primeiro dia presencial

No segundo dia, o evento ganhou vida de forma presencial. E marcou a reabertura do Anexo da Biblioteca Pública Estadual na Praça da Liberdade. Foi, sem dúvidas, um momento importante para a comunidade. Pois, desse modo, ofereceu não apenas uma chance de celebrar a arte dos quadrinhos, mas também de apreciar a rica herança cultural da cidade.

A platéia participou de mesas sobre:

Financiamento coletivo com Carol Rossetti (Vento Norte) e Luís Felipe Garrocho (Cosmonauta Cosmo, MSP Bidu).

Fazendo quadrinhos em dólar e vivendo em real com Cris Bolson (Inversion), Eduardo Pansica (DC Comics) e Guilherme Balbi (Avatar) e mediação de Carol Cunha (Catrinomicon).

 Curadoria de eventos e feiras em Belo Horizonte com Gabriel Nascimento e Mariamma Fonseca, que participaram da organização do FIQ 2022 e mediação de Fabrício Martins (Oblivion).

Produção de quadrinhos autorais e independentes em Minas Gerais com Val Armanelli (Comida de Fada), Fabiano Azevedo (Santelmo Enfeitiçado), Acir Piragibe (D’ Artagnan Negro) e mediação de Régis Luiz (Introverso).

Último dia presencial

Do mesmo modo, o último dia do evento continuou a oferecer igualmente uma variedade de painéis presenciais. Foram abordados temas diversos como, por exemplo:

A influência do Mangá no Quadrinho Brasileiro, com Daniel Bretas (Starmind) e Nami Vianna (Patinhas) e mediação de Carol Cunha

O mercado e a produção de quadrinhos para as mulheres, com Laura Jardim (Oblivion) e Aline Cristine (Cristirinhas) e mediação de Mariamma Fonseca (Amigas que se encontraram na História).

 Mauricio de Sousa Produções – trabalhando com a Turma da Mônica com Ana Cardoso (MSP Mingau), Vitor Cafaggi (MSP Turma da Mônica e Franjinha) e Rebeca Prado (roteirista da MSP) e mediação de Régis Luiz.

Outras atrações!

Também tivemos nossa rodada de negócios, Abraço do Tamanduá – Pitch de quadrinhos ao vivo. Nela foram apresentados, portanto, projetos interessantes de novos talentos.

Além dos painéis e mesas de discussão, a CDQ CON ofereceu igualmente uma série de oficinas gratuitas. Isso, sem dúvidas, proporcionou oportunidades para os aspirantes a quadrinistas tanto aprimorarem suas habilidades quanto aprenderem com alguns dos melhores profissionais do setor.  

Mas a diversão não parou por aí. Durante os dois dias presenciais, os participantes desfrutaram de uma variedade de jogos, incluindo RPG, board games e card games. Contamos também com a presença de importantes cosplayers locais. Tudo isso ofereceu uma oportunidade para os fãs se reunirem, se divertirem e compartilharem sua paixão pela cultura pop.

Um dos destaques indiscutíveis da CDQ CON foi o Artist’s Alley (Corredor dos Artistas), onde mais de 30 artistas locais estiveram presentes, oferecendo ao público a chance de conhecer e comprar diretamente dos próprios autores.

Foi, sem dúvidas, uma oportunidade única para os fãs se conectarem com seus artistas favoritos, descobrirem novos talentos e apoiarem a produção local de quadrinhos e artes visuais. Além dos quadrinhos, os participantes também puderam adquirir prints, sketchbooks, pôsteres, bottons e originais.

Em resumo, a 5ª CDQ CON foi uma experiência inesquecível para todos os fãs de quadrinhos e cultura pop. Com uma programação diversificada, que abrangeu tanto painéis e mesas de discussão quanto oficinas gratuitas e jogos, o evento ofereceu algo para todos os gostos e interesses.

E agora em 2024, nos dias 08, 09 e 10 de março, teremos a 6ª CDQCON no Anexo da Biblioteca na Praça da Liberdade. Portanto, gostaríamos de convidar você para participar desse evento que vai ser igualmente memorável.